1. Cronograma

  • 12/9 a 15/9 - Leitura dos textos do Módulo 9
  • 15/9, 19:00 a 20:50 - Encontro síncrono
  • 18/9 - Post 6: O ocaso do jusnaturalismo
a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a a

2. Introdução

3. Leituras

3.1 Leitura obrigatória

1: Costa, Alexandre. O antinaturalismo de Hume. Arcos, 2020.

2: Costa, Alexandre. O jusracionalismo de Kant. Arcos, 2020.

3: Costa, Alexandre. O ocaso do jusnaturalismo. Arcos, 2020.

4: Costa, Alexandre. Influências de Hume: cataclisma e marola. Arcos, 2020.

3.2 Leitura complementar

1: Costa, Alexandre. O legalismo oitocentista. Arcos, 2021.

2: Costa, Alexandre. Hermenêutica Jurídica. Cap. 3: O positivismo normativista, itens 1, 2 e 3: (1. Desenvolvimento de uma consciência histórica, 2. Do historicismo ao conceitualismo: Savigny e 3. A jurisprudência dos conceitos)

3: Costa, Alexandre. Curso de Filosofia do Direito. Arcos, 2020. Cap. III, pontos 4 a 8: 4 - O surgimento da consciência histórica, ou o positivismo positivista, 5 - Direito e ciência, 6 - A crise do positivismo liberal, 7 - O retorno da justiça distributiva, 8 - O positivismo sociológico

4: Milovic, Miroslav. Filosofia da Comunicação: Para uma crítica da modernidade. Brasília: Editora Plano, 2020. Capítulo 2: Filosofia Transcendental.

4. Atividades

4.1 Post 6: O ocaso do jusnaturalismo